12-Nov-2019

Please reload

Posts Recentes

Formação Catequistas

September 26, 2017

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

O dízimo e o sentido penitencial da Quaresma

March 16, 2018

 

Nesse período de Quaresma, Jesus nos convida a fazer uma reflexão mais profunda sobre nossas atitudes como Cristãos. Será que estamos contribuindo para o fortalecimento da Igreja de Jesus, para levar a todos os povos Seu Evangelho?Estamos reconhecendo os dons gratuitos recebidos do Pai, retribuindo, de forma justa, parte do que d’Ele recebemos? Jesus nos convida a fazer a experiência do amor, amor sem limites como o seu, de quem se doa e sabe perdoar.

Neste sentido, o Dízimo tem uma dimensão sacrifical, na medida em que nos educa a separar uma parte para Deus e, com isso, nos leva ao despojamento e à capacidade da partilha – algo somente possível para quem é liberto de sua tendência egoística.

Sacrificar é tornar algo sagrado, ou seja, santificar alguma coisa oferecendo-a a Deus. Isso se aplica perfeitamente ao Dízimo praticado na Igreja Católica. Por isso falamos do Dízimo no tempo da quaresma em sentido penitencial e como preparação para a Páscoa. O Dízimo tem uma dimensão sacrifical, na medida em que nos educa a separar a parte que é de Deus em função do próximo, num ato cristão de despojamento e partilha.

A Quaresma é um período rico de reflexões que devem nos levar a uma consciência de nossos atos para que não sejam meras repetições automáticas sobre as quais, com o passar do tempo, acabamos por esquecer o verdadeiro sentido. Nela refletimos sobre a nossa vida. Quem somos e o que fazemos? Como nos relacionamos com Deus, com o irmão, com a natureza e conosco mesmos? Incluamos o Dízimo em nossas reflexões quaresmais, para que sejamos dizimistas conscientes sobre a nossa co-responsabilidade fraterna na comunidade, na família, na sociedade. Que, ajudados pelo Espírito Santo, saibamos refletir reta e piedosamente sobre os mistérios da Paixão e Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo e mergulhemos cada vez mais no mistério do Amor mais forte do que a morte e que se doa sem cessar, embora tantas vezes não seja amado. Por esta razão, para que possamos viver a experiência de Jesus, tanto na dimensão religiosa, quanto na social e na missionária, te pedimos Senhor, Envia-nos.

 

Fonte: paroquiavarjao.wordpress.com

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter