12-Nov-2019

Please reload

Posts Recentes

Formação Catequistas

September 26, 2017

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Dia de Devoção a Nossa Senhora de Guadalupe!

June 12, 2018

Todo dia 12 do mês, Dia de Devoção a Nossa Senhora de Guadalupe. Durante todo o dia reza do terço e novena na Capela do Santíssimo

Santa Missa às 19h15!

 

 

HISTORIA DE NOSSA SENHORA DE GUADALUPE

Início de dezembro de 1531, um índio chamado Juan Diego, ia de madrugada do povo em que residia à cidade do México para suas aulas de catecismo e ouvir a Santa Missa. Ao chegar junto à colina Tepeyac já amanhecia e escutou uma voz que o chamava pelo nome. 

Ele subiu ao cume do monte e viu uma Senhora, cujo vestido era brilhante como o sol, e com palavras amáveis disse: Eu desejo que um templo seja construído aqui, rapidamente; então, Eu poderei mostrar todo o meu amor, compaixão, socorro e proteção, porque Eu sou vossa piedosa Mãe e de todos os habitantes desta terra e de todos os outros que me amam, invocam e confiam em mim. E para realizar o que a minha clemência pretende, vá até ao Bispo do México e lhe diga que Eu manifesto o meu grande desejo, que aqui neste lugar seja construído um templo para mim. Tu dirás exatamente tudo que viste, admiraste e ouviste. Tem a certeza que ficarei muito agradecida e te recompensarei. Eu te ordeno e confio.

“Observa, tu ouviste minha ordem, meu humilde filho, vai e coloca todo teu esforço.” Ele inclinou-se diante dela e disse: Minha Senhora, Eu estou indo cumprir Tua ordem, agora me despeço de Ti.

Sem perder tempo, foi direto ao palácio do bispo, que chegara recentemente e se chamava Frei Juan de Zumarraga, um religioso Franciscano.

Ao chegar, procurou vê-lo, pediu ao criado para anunciá-lo. Esperou muito tempo. Quando entrou, se ajoelhou e disse ao bispo a mensagem da Nossa Senhora do Céu, bem como tudo que havia visto, escutado e admirado. Mas após ouvir toda a conversa, o Bispo incrédulo disse-lhe: “Volte depois, meu filho e eu lhe ouvirei com muito prazer. Eu examinarei tudo e pensarei no motivo pelo qual você veio”.

Retornou a seu povo Juan Diego se encontrou de novo com a Virgem Maria e lhe explicou o ocorrido. A Virgem lhe pediu que ao dia seguinte fosse novamente falar com o bispo e lhe repetisse a mensagem. Esta vez o bispo, disse que devia ir e dizer à Senhora que lhe desse um sinal que provasse que ela era a Mãe de Deus.

Na madrugada de 12 de dezembro Juan Diego partiu às pressas para conseguir um sacerdote, pois seu tio, estava morrendo. Ao chegar ao monte preferiu tomar outro caminho para evitá-la. De repente Ela saiu a seu encontro e lhe perguntou aonde ia. O índio envergonhado lhe explicou o que ocorria. Ela disse ao Índio que não se preocupasse, seu tio já estava curado. Então o índio lhe pediu o sinal que devia levar ao bispo. Ela lhe disse que subisse ao cume da colina onde achou rosas de Castela frescas e coloco-as no poncho, quantas pôde e as leve ao bispo. 

Com dificuldade Juan Diego foi recebido pelo Bispo. Ele tinha seu poncho ou sua Tilma, dobrado cheio de rosas. Então, ele abriu a tilma e as flores caíram no chão. Quando o Bispo viu, ainda não acreditou. Então, para espanto de todos os que estavam na sala, no poncho do índio estava estampada a bela imagem de Nossa Senhora de Guadalupe, como o índio tinha revelado ao Bispo. Todos na sala acreditaram inclusive o bispo. Desse momento em diante, tudo mudou.

O fato causou grande comoção em todo o povo mexicano. Logo foi construída uma grande Igreja no local indicado por Nossa Senhora e o poncho de Juan Diego com a imagem de Nossa Senhora de Guadalupe impressa foi levado para ser venerado. Guadalupe se tornou o grande Santuário do México, e a devoção a Nossa Senhora de Guadalupe se estendeu por toda América Latina. Em 1979, o Papa João Paulo II consagrou Nossa Senhora de Guadalupe, como Padroeira da América Latina.

 

Share on Facebook
Share on Twitter