Posts Recentes
Posts Em Destaque

Aprendamos com Maria a termos um coração puro


“Sua mãe, porém, conservava no coração todas estas coisas” (Lucas 2,51).


Hoje, temos a alegria de celebrar o Imaculado Coração de Maria. O coração imaculado é o coração puro, que não se deixa misturar com o mal e com o pecado.

É verdade que o coração de Maria foi formado já imaculado, daí a graça maior de manter o coração puro, não misturado com os males do mundo em que vivemos.

Quantos tormentos experimentou a Virgem Maria! Às vezes, olhamos para Ela e achamos que foi uma Mulher que teve uma vida passiva, que não teve inquietações, preocupações e perturbações. Ao contrário, teve muitas, e realmente tantas, aflições. Desde o momento em que foi escolhida para ser a Mãe do Salvador, quantas coisas aconteceram: a incompreensão de São José, a perseguição que Ela sofreu quando essa criança nasceu, sem contar o tormento que foi achar um lugar para o menino nascer e, depois, aquela série de acontecimentos que representou a vida de seu Filho.

O coração de uma mãe não consegue se desligar do coração do filho que gerou, imagine o coração da Virgem Maria sempre ligado ao coração de Jesus, que saiu do seu ventre.

O coração imaculado é o coração puro que não se deixa misturar com o mal e com o pecado

Um coração para ser puro não é um coração que passa por tormentos, tribulações ou dificuldades nesta vida. O coração puro e imaculado é aquele que purifica ou não mistura as coisas.

O nosso coração é muito atribulado, manchado e marcado não só pelo pecado, mas pela força que deixamos o pecado exercer no nosso coraçã

o. Quantas mágoas, rancores, ressentimentos e sentimentos não resolvidos dentro de nós que vão tornando nosso coração pesado e amargurado, vai tornando a nossa vida muito azeda porque tudo nós guardamos no coração.

Maria não guardava tudo no seu coração, Ela colocava nele o que era essencial. Maria colocava o seu coração para meditar, para refletir e tentar compreender. O coração de Maria sabia sempre voltar-se para Deus. Ela não entendia nem compreendia tudo, mas tudo colocava no coração de Deus.

Achamos que entendemos tudo, que temos respostas para tudo. Quando não temos a resposta objetiva, damos aquelas respostas subjetivas, muitas vezes, amarguradas, azedas, violentas e a vida vai se tornando cada vez mais agitada, atribulada e complicada porque não sabemos guardar para purificar, para meditar e não sabemos refletir. Somos movidos pelos impulsos do aqui, do agora e das provocações.

Maria não deixava as coisas externas provocar a sua alma, pelo contrário, Ela sabia ouvir o que vinha de fora e tirar o que não era bom para o seu coração.

Voltemo-nos para o Imaculado coração de Maria, para purificarmos o nosso coração e a nossa alma, para buscarmos do coração d’Ela a capacidade de refletir, meditar e pensar melhor em tudo que realizamos.

Deus abençoe você!

Siga
Nenhum tag.
Procurar por tags
Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Pedidos de Orações.

Av. Paraná, 5440 - Vila A - TEL:(45) 3524-4000